CoC - Agenda dos Grupos Artísticos da UFPR

Contato:
cultura@ufpr.br
(41) 3310-2763

 

Durante todo o ano, os Grupos Artísticos da UFPR promovem espetáculos de teatro, música popular brasileira, coro erudito, música orquestrada e dança moderna em diversos espaços culturais, dentro e fora da Universidade. São apresentações gratuitas, resultado de uma série de pesquisas, práticas e ensaios, que circulam entre os mais variados públicos. A participação nos Grupos Artísticos é aberta a toda comunidade, sem cobrança de taxas ou mensalidades.

 






 

coro DA UFPR

 

Requiem – W. A. Mozart

Neste espetáculo, o Coro da UFPR apresenta o Requiem de W. A. Mozart.
O desafio que o grupo se impõe, é encontrar a razão das dificuldades técnicas de realização e relacioná-las à profundidade do conteúdo que ilustram. Para tanto, os exercícios de concentração e interpretação são as principais ferramentas de estudo neste ano.

 

Serviço:

Direção Artística e Regência: Alvaro Nadolny
Regente Assistente: Felipe Biesek
Datas: 6 a 8 de Julho (quinta à sábado)
Horário: 20h30
Local: Teatro da Reitoria (Rua XV de novembro, 1299 - Centro)
Entrada: Leite longa vida ou em pó

https://www.facebook.com/events/1986660294903396

 

téssera companhia de dança DA UFPR

 

A Téssera Companhia de Dança da UFPR apresenta uma releitura de sua obra que teve estreia em 2016. A coreografia pesquisada e construída a partir de seis sintomas marcantes do maior transtorno psicossocial da atualidade – a depressão - revela em cena uma grande densidade interpretativa, despontando sentimentos contrastantes e alta carga emocional. Com direção e coreografia de Rafael Pacheco, trilha sonora de Helen de Aguiar e iluminação de Luis Tschannerl, Black Dog fica em cartaz no Teatro da Reitoria no mês de junho.

 

Serviço:

Data: 22 a 25 de junho (quinta a domingo)

Nome da atração: Téssera Companhia de Dança da UFPR – “Black Dog”

Horário: 21h00

Local: Teatro da Reitoria – Rua XV de Novembro, 1299

Classificação: Livre

Entrada Gratuita

 

madrigal DA UFPR

 

Espetáculo “Ora Pro Nobis”

Nessa temporada, o grupo procura sintonizar-se com a beleza que traz consigo plenitude e conforto, através do uso criterioso das ferramentas de percepção e imaginação.

 

Serviço:
“Ora Pro Nobis”

Data: 8 a 10 de Junho de 2017

Horário: 20h30

Local: Teatro da Reitoria – Rua XV de Novembro, 1299

Entrada gratuita

 

orquestra DA UFPR

 

IV Concurso Nacional de Composição Música Hoje
Resultado da Etapa Preliminar
cf. EDITAL N.º 5/2017 PROEC/UFPR

 

A Universidade Federal do Paraná, em parceria com a Fundação Cultural de Curitiba/Instituto Curitiba de Arte e Cultura/Camerata Antiqua de Curitiba e a Bienal Música Hoje, torna público o resultado da Etapa Preliminar do IV Concurso Nacional de Composição Música Hoje, nos termos do EDITAL N.º 5/2017 PROEC/UFPR, publicado em 4 de Maio de 2017. A Comissão Julgadora, formada pela Profª. Dra. Roseane Yampolschi (Compositora, Departamento de Artes da Universidade Federal do Paraná) Prof. Dr. Felipe Ribeiro (Compositor, Escola de Música e Belas Artes do Paraná/Universidade Estadual do Paraná, Campus Curitiba I), e Alexandre Razera (Violista e Maestro, representante da Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba), selecionou três obras para a Etapa Final, que serão executadas pela Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba, sob regência de Márcio Steuernagel, nos dias 25 e 26 de Agosto de 2017, às 20h e18h30, respectivamente, na Capela Santa Maria - Espaço Cultural, como parte integrante da IV Bienal Música Hoje, com presença de Banca Julgadora.

 

As três obras finalistas selecionadas são, em ordem alfabética do sobrenome do compositor:

José Orlando ALVES– Concerto Grosso
Juan Santiago BEIS – la sed y el agua
Igor Coelho Arantes Santana MARQUES– Escenas

 

Os candidatos cujas obras foram selecionadas deverão enviar as partes orquestrais em PDF para o e-mail bienalmusicahoje@gmail.com, ou via SEDEX para:

 

VI CONCURSO NACIONAL DE COMPOSIÇÃO MÚSICA HOJE
Universidade Federal do Paraná
Coordenadoria da Cultura/Orquestra Filarmônica da Universidade Federal do Paraná
Travessa Alfredo Bufren, 130 – 3º Andar
CEP 80020-240 Curitiba - Paraná – Brasil
orquestra@ufpr.br (41) 3310-2640

 

A data limite para o recebimento das partes é 24 de Julho de 2017, sob pena de desclassificação. As demais obras, não selecionadas, ficarão disponíveis para serem retiradas pessoalmente pelos candidatos na Coordenadoria da Cultura da UFPR, pelo prazo de três meses, após o que serão destruídas, bem como a documentação enviada.

 

Curitiba, 10 de Julho de 2017

 

download do edital

 

 

EDITAL - Oficina Internacional de Composição Orquestral
A Orquestra Filarmônica da UFPR, em parceria com o Ensemble entreCompositores e a Bienal Música Hoje, divulga chamada para a Oficina Internacional de Composição Orquestral, dedicada ao aprimoramento da criação de música nova para orquestra.

 

RESULTADO - SELECTED COMPOSERS

 

 

download do edital

 

download da ficha de inscrição

 

Call for composers download

 

Application form download

 

SÉRIE DE MÚSICA DE CÂMARA DA ORQUESTRA FILARMÔNICA DA UFPR

 

A série “ Música no Teuni ” faz parte da série de música de câmara da Orquestra Filarmônica da UFPR. Como o próprio nome sugere, os concertos se realizam no Teatro Experimental da UFPR, o Teuni. Essa série surgiu com o intuito de promover e incentivar os integrantes da Orquestra Filarmônica em seus trabalhos de música de câmara fora do âmbito da orquestra. Os concertos do “Música no Teuni” acontecem duas vezes por ano. No primeiro semestre a série acontecerá nos dias 05, 07 e 08 de junho, tendo o Quarteto de Cordas da UFPR no concerto de abertura.

 

O Quarteto da UFPR, formado pelos músicos Rafael Ferronato, Dhiego Lima, Fabiane Nishimori e Shante Cabral, abrirá sua temporada 2017 no dia 05de junho na série de música de câmara do Teuni.
Nesse concerto o Quarteto terá uma participação especial do contrabaixista e professor do Departamento de Artes da UFPR, Francisco Azevedo.
Francisco Azevedo é doutor em performance de contrabaixo, mestre em música pela University of Georgia-EUA e licenciado em música pela Universidade Federal se Santa Maria (RS).
No repertório, o Quarteto apresentará o Quinteto Op.121 de Franz Lachner e “Meditação Sober o Coral de São Venceslau”, de Josef Suk.

 

Serviço
Dia 05 de Junho de 2017- Quarteto de Cordas da UFPR
Violinos: Rafael Ferronato e Dhiego Lima
Viola: Fabiane Ferronato
Violoncelo: Shante Cabral
Horário: 19:30
Local: Teuni-Praça Santos Andrade, 50, 2º andar, ala da Rua XV de Novembro, Centro
Entrada Franca

 

Dia 07 de junho de 2017- Concerto Barroco-Tributo à Johann Sebastian Bach
Violino: Matheus Prust
Violoncelo: Shante Cabral
Cravo: Douglas Amrine
Horário: 19:30
Local:Teuni- Praça Santos Andrade, 50, 2º andar, ala da Rua XV de Novembro, Centro
Entrada Franca

 

Dia 08 de junho de 2017- Quarteto Sine Nomine
Violino: Matheus Prust
Viola: Matheus Gadelha
Violoncelo: Maria Luiza Sprogis
Flauta Transversal: Silvia Rolim
Horário: 19:30
Local: Teuni- Praça Santos Andrade, 50, 2º andar, ala da Rua XV de Novembro, Centro
Entrada Franca

 

palavração cia de teatro DA UFPR

 

CICLO DE DEBATES

“UMA CURTA PASSAGEM COM MÁRIO BORTOLOTTO”

Os ensaios abertos terão a participação de convidados da área teatral e outros com interesse na sugestão de ideias acerca do temas que permeiam a montagem cênica. O texto Curta Passagem de Mário Bortolotto, que escreveu esta montagem como um "fechamento" de apontamentos a respeito de vários hábitos do homem contemporâneo e que de certo modo nos estudos dessa montagem a PalavrAção buscou referências nos conceitos relatados pelo sociólogo Baumann e sua denominação de Sociedade Líquida. Com um ar despojada a montagem e estudos das 4 cenas que compõem o Curta Passagem, empregamos um olhar rápido, colorido e sensualmente artificial na tentativa de liquidificar moralismos ou pré-conceitos estabelecidos. Nos ensaios abertos os atores mostram o que tem produzido e a cada cena o convidado poderá sugerir mudanças que serão experimentadas pelos atores em seguida. Após a cena ser representada com as mudanças os participantes farão um bate papo com os atores e convidados. Os resultados dos estudos anteriores e ensaios abertos serão apresentados ao público em duas cenas a cada dia e posterior a estas os convidados e elenco farão um bate papo sobre o processo de ensaio e montagem com o público. Os resultados dessa interação com diversos profissionais e público serão objeto de um documento final a ser compilado até o mês de dezembro, quando encerra esse ciclo de debates.

Convidados:

Belisa Evangelista – Arquiteta e Urbanista, especialista em Iluminação, Patrimônio Histórico e projetos contemporâneos

Felipe Carneiro – Graduando em Psicologia UFPR

Michele Louise Schiocchet – Professora Doutora do Curso de Licenciatura em Artes da UFPR Litoral

 

PROGRAMAÇÃO

30/05 - 20h - Ensaio aberto

Convidados: Felipe Carneiro e Belisa Evangelista

Bate papo e ajustes de cenas

 

31/05 - 20h - Ensaio aberto

Convidados: Belisa Evangelista

Bate papo e ajustes de cenas

 

01/06 - 20h

Apresentação de cenas:

Billy, A Garota

Garotas Apaixonadas Não Usam Aliança

Convidados: Felipe Carneiro e Belisa Evangelista

Impressões dos convidados, dos atores e do diretor

Bate papo

 

02/06 – 20h

Apresentação: Curta Passagem (4 pocket cenas)

- Billy, A Garota - Another Day

- Faz Frio na Varanda

- Garotas Apaixonadas Não Usam Aliança

Convidada: Profa Dra Michele Louise Schiocchet

Impressão da convidada, dos atores e do diretor

Bate papo

 

03/06 - 20h

Apresentação de cenas:

Another Day

Faz Frio na Varanda

Convidados: Belisa Evangelista

Impressão da convidada, dos atores e do diretor

Bate papo

 

Serviço:

Local: TEUNI-Teatro Experimental da UFPR Prédio Histórico - 2º Andar

ENTRADA GRATUITA

Retirar convite 30 minutos antes do início.

Agendamentos de grupo ou informações:

Email: palavracao@ufpr.br

(41) 3310-2736 (Terça a Sexta 19h às 22h)

Facebook: https://www.facebook.com/ciapalavracao/

 

ORQUESTRA FILARMÔNICA DA UFPR

 

mais forte é a sombra onde há muita luz

 

Em seu concerto de abertura da Temporada 2017, a Orquestra Filarmônica da UFPR traz o espírito do romantismo germânico, encarnado de forma diferente em três compositores e obras bastante distintos. No foco principal, representado por sua Sétima Sinfonia, está Beethoven, cujo papel ambíguo entre o classicismo vienense e o romantismo alemão encontra eco na figura literária de Goethe, tornando-se ambos pedra angular para mais de um século de romantismos. Mendelssohn traz o romantismo pleno com a Abertura das Hébridas, “A gruta de Fingal”. O compositor sueco Kurt Atterberg faz o contraponto com sua Suíte para Violino, Viola, e Orquestra de Cordas, trazendo o confronto entre modernidade e nostalgia romântica que marcou grande parte da esfera musical de influência germânica na primeira metade do século XX. Venha desfrutar os contrastes e ambiguidades deste espírito romântico, belamente expresso nas palavras de Goethe que dão nome ao concerto.

 

Serviço:

Orquestra Filarmônica da UFPR - “Mais forte é a sombra onde há muita luz - Wo viel Licht ist, ist starker Schatten”

Programa: Beethoven, Mendelssohn, Atterberg

Regência: Márcio Steuernagel

Data: 24 e 25 de maio de 2017

Horário: 20h00

Local: Teatro da Reitoria (Rua XV de Novembro, 1299)

Ingresso: Entrada Gratuita

 

EDITAL N.º 05/2017 PROEC/UFPR


IV Concurso Nacional de Composição Música Hoje
A Universidade Federal do Paraná, em parceria com a Fundação Cultural de Curitiba/Instituto Curitiba de Arte e Cultura/Camerata Antiqua de Curitiba e a Bienal Música Hoje, torna público o Edital do IV Concurso Nacional de Composição Música Hoje, dedicado a fomentar a produção de música orquestral nova no Brasil.

 

download do edital

 

Coro da UFPR

 

Coração Sitiado

 

Sob a direção artística de Alvaro Nadolny, o Coro da UFPR apresenta o recital de música de câmara “Coração Sitiado”. O concerto será realizado no TEUNI, de 11 a 13 de maio, sempre às 20h30. Entrada gratuita. Soprano: Lívia Ribeiro Mezzo-Soprano: Daniele Franco Piano: Karina Gineste Direção artística: Alvaro Nadolny

 

Serviço:

Datas: 11 a 13 de maio (quinta à sábado)

Horário: 20h30

Local: TEUNI - Teatro Experimental da Universidade Federal do Paraná

(Praça Santos Andrade, 50, prédio histórico da UFPR - centro)

Entrada gratuita


Apresentação:

O Coro da UFPR foi fundado em 17 de outubro de 1958 pelo Maestro Mario Garau, por ocasião da inauguração do Teatro da Reitoria da UFPR. Em 1988, assumiu a direção o Maestro Alvaro Nadolny, alterando a dinâmica do grupo nas formas de ensaio, instituindo aulas aos cantores e um processo de musicalização constante que envolve treinamento para o canto.


Como um dos resultados desse trabalho de formação, em 2012, foi institucionalizado o Madrigal da UFPR, grupo artístico mais recente que tem como característica a autonomia artística dos seus integrantes.


Nesses 55 anos de existência, passaram pelo grupo cerca de 6.000 pessoas que participaram de aproximadamente 650 apresentações e eventos, dentre os quais cabe destacar: a gravação de músicas brasileiras para o filme italiano Uma rosa para todos; a conquista do 1º lugar estadual e 3º lugar nacional no Concurso Nacional de Coros Orfeônicos Nacionais; sediou os Encontros Nacionais de Coros Universitários Brasileiros; participou da  Missa celebrada em Curitiba pelo Papa João Paulo II; realizou a opereta Viúva Alegre, de F. Lehar, com os solistas da Ópera de Viena; gravou o LP I Ato e os CDs II Ato; Impressões; Missa Terra de Santa Cruz, de Alvaro Nadolny; Membra Jesu Nostri, de Buxtehude; montou a Suíte Ife Bogbo Ayê, as óperas Macbeth, de Verdi (em forma de oratório); Zumbi Odara, 2 Ópera?, Além disto, de Alvaro Nadolny; (encenadas); a comédia madrigalesca Festino, de Banchieri; o oratório A Criação, de Haydn; os Stabat Mater, de Schymanowski e de Pergolesi; os Te Deum, de Haydn e de Kodaly.

 

Equipe:

Dirigente: Alvaro Nadolny
Pianista: Karina Ferrer Gineste da Silva


Contatos:

(41) 3310-2635 - coro@ufpr.br


Site/Facebook:


Horários de atendimento/ ensaio:
Segunda a quarta-feira das 09h00 às 12h00 e das 14h00 às 18h00;
Quinta e sexta-feira das 09h00 às 12h00 e das 14h00 às 22h00.
Ensaios segunda e quarta-feira das 20h00 às 22h00.


Endereço:

Rua XV de Novembro, 695, subsolo, Centro

 

 

 

Apresentação:

O Madrigal da UFPR é um grupo formado por 21 cantores oriundos do Coro da UFPR que, a partir de 2010, se reuniu com a finalidade de aprimoramento no estudo da técnica de canto erudito. Para isto, o grupo alterou drasticamente sua metodologia de trabalho: os cantores estudam o repertório isoladamente e se reúnem para ensaios em conjunto para a finalização e acabamento do material proposto.


Esse esforço tem como objetivo o aperfeiçoamento individual para solucionar problemas de música e provocar um entrosamento rápido com os colegas designados para executar cada material, que nem sempre é realizado pelo grupo todo. Desde sua criação, o Madrigal realiza intervenções em alguns concertos do Coro e em eventos da Universidade Federal do Paraná.

 

Equipe:

Dirigente: Alvaro Nadolny
Pianista: Karina Ferrer Gineste da Silva


Contatos:

(41) 3310-2635 - madrigal@ufpr.br


Site/Facebook:


Horários de atendimento/ensaio:
Segunda a quarta-feira das 09h00 às 12h00 e das 14h00 às 18h00;
Quinta e sexta-feira das 09h00 às 12h00 e das 14h00 às 22h00.
Ensaios terça-feira das 20h00 às 22h00.


Endereço:

Rua XV de Novembro, 695, subsolo, Centro

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ORQUESTRA FILARMÔNICA DA UFPR
Espetáculo: Outras Orquestras
02 e 04 de junho de 2016 (quinta-feira e sábado) – 20h30 – Teatro da Reitoria (Rua XV de Novembro, 1299 | Centro)
03 de junho de 2016 (sexta-feira) – 20h30 – Comunidade do Redentor (Rua Trajano Reis, 199 | São Francisco)
Entrada Gratuita

 

Release:
Em tempos incertos, a Orquestra Filarmônica da UFPR abre sua temporada 2016 de forma alternativa, com o concerto "Outras Orquestras". Focado em combinações orquestrais distintas da formação tradicional de orquestra clássica – formação oficial da Orquestra Filarmônica da UFPR –, o concerto traz um repertório de obras de épocas e formações variadas. O espetáculo inclui obras antigas de peso, como o "Concerto de Brandenburgo Nº3", de J.S.Bach; de relevância histórica, como os "Concertos para Oboé de Clarinete RV 559 e 560", de Vivaldi (uma das primeiras obras para clarinete no repertório orquestral); e obras mais recentes, como a "Brook Green Suite", de Gustav Holst, de instrumentação flexível. Venha desfrutar de um repertório que prova que a boa música sobrevive a qualquer crise.

 

 

Apresentação:

A Orquestra Filarmônica da UFPR representa hoje a convergência de grandes esforços envidados ao longo de 50 anos por várias personalidades. Foram muitos os nomes que denominaram a orquestra. Em alguns momentos, mais de uma orquestra atuava simultaneamente. A então chamada Orquestra Sinfônica Juvenil da Universidade do Paraná foi fundada em fevereiro de 1962. A principal iniciativa foi dos Maestros Gedeão Martins e Hildegard Soboll Martins. Dessa orquestra saíram alguns dos mais importantes músicos paranaenses. 

               
A partir de 2002, depois de passar por um período de transição, a Orquestra Filarmônica Juvenil da UFPR, sob a direção artística de Harry Crowl, passou a ser um grupo musical moderno voltado para um sentido didático mais amplo que pudesse servir também à comunidade que atende aos concertos e aqueles que criam e pesquisam a música de nossa época. Um número expressivo de obras novas já foi estreado pela OFUFPR, assim como obras de importância histórica receberam as suas primeiras audições contemporâneas desde então. Em 2007, a Orquestra adotou a sua denominação atual de Orquestra Filarmônica da UFPR. A partir 2009, o Maestro Márcio Steuernagel assume o cargo de regente titular da orquestra e inicia uma nova fase consolidando o projeto da orquestra e expandindo para atividades mais ambiciosas, como as "Bienais - Música Hoje", desde 2011. 


Em 2012, para as comemorações do Cinquentenário da orquestra e Centenário da UFPR, foram encomendadas obras aos compositores atuantes na UFPR, Maurício Dottori, Roseane Yampolschi, Harry Crowl e Márcio Steuernagel, que foram gravadas em CD comemorativo. 

 

Equipe:

Márcio Steuernagel e Harry Crowl

Fabiane Nishimori e Dhiego Lima

(em cessão técnica pela Orquestra Sinfônica Nacional/Universidade Federal Fluminense)

 

Contatos:

(41) 3310-2640 - orquestra@ufpr.br

 

Site/Facebook:

Horários de atendimento/ensaio:

Ensaios: terça e quinta-feira, das 8h30 às 12h30;

Atendimento interno: 

Segunda, quarta e sexta-feira, das 9h00 às 12h00;

Atendimento externo:

mediante agendamento por e-mail ou telefone.


Endereço:
Trav. Alfredo Bufren, 140, 3º Andar, Centro

 

Projetos:

Série de Música de Câmara

 

Apresentação:

Este projeto proporciona aos músicos da Orquestra Filarmônica da UFPR um espaço no qual eles podem se apresentar com grupos de câmara, valorizando a formação integral do músico integrante da Orquestra Filarmônica da UFPR também como músico camerista e solista, além de sua formação como músico orquestral. Além disso, esse projeto visa convidar músicos profissionais que venham agregar conhecimento aos jovens músicos da OFUFPR e à comunidade. Este projeto se divide em duas linhas:

 

 Série Música de Câmara (TEUNI)
 A Série Música de Câmara, que tem como objetivo promover a atuação dos músicos integrantes da Orquestra e seus convidados em diversas formações camerísticas reduzidas, para abranger a criação e performance de música erudita nas suas múltiplas facetas. Os concertos ocorrem no TEUNI em duas temporadas anuais (uma por semestre), em datas previamente agendadas pela Orquestra Filarmônica da UFPR. Os grupos participantes devem ter no mínimo 50% de integrantes da Orquestra Filarmônica da UFPR (ou um terço, em caso de trios).


Série Concertos na Capela (Capela da Reitoria)
Na série Concertos na Capela a Orquestra Filarmônica da UFPR promove concertos de grupos integrados ou liderados por músicos da própria orquestra, independente de gêneros musicais e orientações estéticas. Podem participar desta série grupos com pelo menos um integrante da Orquestra Filarmônica da UFPR.   


Equipe:

Márcio Steuernagel e Harry Crowl

Fabiane Nishimori e Dhiego Lima

(em cessão técnica pela Orquestra Sinfônica Nacional/Universidade Federal Fluminense)

 

Contatos:

(41) 3310-2640 - orquestra@ufpr.br

 

Site/Facebook:

Horários de atendimento/ ensaio:

Segunda, quarta e sexta-feira, das 9h00 às 12h00


Endereço:

Trav. Alfredo Bufren, 140, 3º Andar, Centro

 

 

Apresentação:

Criada no ano de 1981, a Téssera Companhia de Dança da UFPR desenvolve uma linguagem estética diferenciada e fundamenta o seu trabalho no ensino e pesquisa em dança moderna. A técnica de dança formativa é estruturada a partir dos conceitos da dança moderna de origem germânica. As pesquisas coreográficas utilizam-se da estética simbolista, evidenciando a releitura dos conceitos de Espaço, Tempo, Forma e Movimento, e o gesto significativo, norteados pelos conceitos de Bertolt Brecht, Constantin Stanislawski e Jerzy Grotowski, estabelecendo assim a linha de orientação concreta do trabalho realizado na Companhia. 


O elenco desenvolve diariamente suas atividades divididas entre aulas de preparação técnica, ensaios para a manutenção de repertório, ensaios para a criação de novas coreografias e laboratórios de improvisação e composição coreográfica, quando a obra requer a participação do elenco na criação e proposição de movimentos, gestos e concepção de personagens a partir de uma ideia específica, sob a orientação dos diretores e coreógrafos.

 

Equipe:

Rafael Pacheco (Direção Geral),
Cristiane Wosniak (Coordenadora Acadêmica)
Juliana Virtuoso (Professora e Coreógrafa)

 

Contatos:

(41) 3310-2708 - tessera@ufpr.br

 

Site/Facebook:

Horários de atendimento/ensaio:

Segunda a quinta-feira das 13h30 às 17h30.

Ensaios de segunda a sexta-feira das 18h30 às 22h00.


Endereço:
Rua XV de Novembro, 695, 1º andar, Centro

 

 

Apresentação:

A estrada do Grupo de MPB da UFPR completou em 2014, 20 anos. Nesse tempo, tem-se mantido fiel ao motivo de seu aparecimento: a música popular brasileira. Seu principal diferencial artístico é o fato de que os espetáculos produzidos são sempre resultado de pesquisas, além de ser configurado como um coro cênico. Isto quer dizer que os movimentos corporais dos cantores, os textos e os jogos teatrais aliam-se ao canto para sensibilizar plateias. Em seus quase 40 espetáculos oficiais já produzidos - e muita pesquisa feita – foram homenageados compositores, letristas, poetas, escritores e estilos musicais. 


Também ‘subiram ao palco’ temas filosóficos, folclóricos e históricos, como mote para manter o compromisso do Grupo com a divulgação do tesouro musical brasileiro. Lançou em 2013 o CD e álbum de arranjos "Terra de Pinho II" (o 1º CD é de 1998), que contempla obras de compositores paranaenses.

 

Equipe:

Dirigente: Doriane Rossi

 

Contatos:

(41) 3310-2742 - mpb@ufpr.br

 

Site/Facebook:

Horários de atendimento/ensaio:

Segunda a sexta-feira, das 16h00 às 22h00.

Ensaios terças e quintas-feiras, das 19h30 às 22h00.


Endereço:

Rua XV de Novembro, 695, Térreo, Centro

 

 

Apresentação:

A Companhia de Teatro Palavração da UFPR foi fundada em 1995 pelo professor e diretor Dr. Hugo Mengarelli - lotado no Departamento de Artes da Universidade Federal do Paraná, a convite da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura, estreando sua primeira montagem em 1996. Foi o trabalho da Companhia que inspirou seu diretor a criar o TEUNI - Teatro Experimental da UFPR, em 1998.


O ideal que orienta o caminho da Companhia sempre esteve ligado ao trabalho do ator. Experimentando e desenvolvendo criações artísticas ao longo de sua história, a Companhia Palavração desenvolveu seu próprio método de trabalho: razão orgânica. Desse modo, a linguagem da Companhia e seu desenvolvimento criativo e de encaminhamento de pesquisa dentro das Artes Cênicas é fundamentado nas bases delineadas por Mengarelli que trabalha o ator como base de sustentação da cena, mas sobretudo, estuda a energia pulsional (inconsciente, libido) e a relação do ator com seu espaço (dentro/fora fora/dentro), potencializando o Dom (disponibilidade e fé), o Andaritmo, a sustentação de energia, a limpeza e precisão do Movimento, os anteparos e ressonadores e, principalmente, a Ética no trabalho do ator que leva a uma estética refinada, onde a escuta e a clareza da comunicação são presentificadas na sublimação do que Mengarelli chama de "M’eu corpo", o corpo de trabalho do ator, esse que trabalhado pela razão orgânica, torna-se seu instrumento e partitura.


A Companhia de Teatro Palavração sempre oportuniza a seus integrantes o espaço para desenvolverem pesquisas de criação dentro das Artes Cênicas, apresentando os resultados dos trabalhos em temporadas abertas ao público e buscando levar seu trabalho a outros palcos do país.

 

Equipe:

Dirigente: Alaor de Carvalho

 

Contatos:

(41) 3310-2736 - palavracao@ufpr.br

 

Site/Facebook:

Horários de atendimento/ensaio:

Terça a sexta-feira, das 19h00 às 22h30


Endereço:

Rua XV de Novembro, 695, 3º andar, Centro

 

Visite a Coordenadoria de Cultura da UFPR na rede social.

Pró-Reitor:
Prof. Dr. Leandro Franklin Gorsdorf

 

Trav. Alfredo Bufren, 140 - 3º Andar
curitiba - paraná - cep:80020-240
Fone: (41) 3310-2601
Fax: (41) 3310-2607
proec@ufpr.br


Problemas e/ou sugestões para com este Site encaminhe e-mail para unigraf@ufpr.br

PROEC 1990 - 2017 © todos os direitos reservados | desenvolvido por unigraf/proec e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR